Chás e Interações Medicamentosas


Alcachofra: Ajuda a emagrecer, pois é tem propriedades diuréticas, desintoxicantes e depurativas, que limpam o organismo, eliminando as toxinas, gorduras e líquidos em excesso.


Alecrim desidratado: Diurético natural, podendo ser utilizado em dietas para ajudar a combater a retenção de líquidos no corpo.


Amora branca: Rico em antioxidantes, ferro e vit. C. Bom para a saúde da mulher. Desacelera o processo de envelhecimento, fortalece a imunidade, previne doenças crônicas e ajuda na prevenção da anemia.


Artemísia: Ajuda no tratamento de infecção urinária e a proteger o fígado; exerce ação antifúngica, antibacteriana de amplo espectro e antihelmíntica (contra vermes); contribui para melhorar o humor; melhora a qualidade de vida de pacientes com doença de Cronh; exerce uma ação antioxidante, contribuindo para a proteção do cérebro e prevenção de AVC, ajuda a prevenir certos tipos de câncer, em especial a leucemia mielóide aguda.


Boldo do chile: Digestivo, ameniza possíveis dores de barriga e facilita a digestão de gorduras.


Bugre: Conhecido também comoPorangaba, possui propriedades diuréticas, cardiotônica e antiviral, podendo ser utilizado para acelerar o metabolismo, favorecer a circulação sanguínea e combater infecções virais, especialmente a herpes.


Cabelo de Milho: rico em nutrientes, este chá possui propriedades hipoglicemiantes, depurativas e anti-fadiga. Bom para: cistite; prostatite; pedra nos rins; gota; incontinência urinária; inchaço.


Calêndula: Bom para: acelerar a cicatrização da pele, proteger o fígado, combater infecções e inflamações na pele, regular os níveis de açúcar no sangue, aliviar inflamações das mucosas, fortalecer o sistema imune.


Camomila Flor: Ajuda a combater a hiperatividade, cólicas, má digestão, ansiedade, enjoos, impurezas da pele, queimaduras, insônia e catapora. *Não deve ser consumido por gestantes.


Canela de Velho: Ajuda a reduzir a dor e a inflamação das articulações. Estimula a regeneração das cartilagens que revestem os ossos e, por isso, pode ser usada para doenças como artrose, osteoartrite ou artrite reumatoide ou mesmo para ajudar a atenuar as dores de coluna e dores musculares.


Canela em Casca: Bom para controlar a diabetes; melhorar transtornos digestivos, combater as infeções das vias respiratórias; diminuir a fadiga e melhorar o estado de ânimo. Também ajuda a combater o colesterol, a diminuir o apetite; a reduzir o acúmulo de gordura, a diminuir a pressão arterial. *Não deve ser consumido por gestantes.


Capim Cidreira: Também conhecido como capim santo ou capim limão é uma planta com propriedades antioxidantes. Benefícios: ajuda a tratar alterações do estômago; possui ação anti-inflamatória e analgésica; protege a saúde do coração; ajuda a regular a pressão arterial; ajuda a diminuir inchaço; alivia a gripe.


Cardo Santo: Possui propriedades antissépticas, cicatrizantes, adstringentes, digestivas, descongestionantes, estimulantes, tônicas, expectorantes, diuréticas e antimicrobianas. Utilizado para: auxiliar a digestão (diarreia); combater os gases estomacais e intestinais; melhorar o funcionamento do fígado; estimular o apetite; auxilia no tratamento de infecções, como a gonorreia.


Carqueja: Possui propriedade hipoglicemiante, anti-inflamatória, antimicrobiana, anti-hipertensiva e diurética, sendo bom para: melhorar a diabetes; desintoxicar o fígado; diminuir a pressão arterial (hipertensão); melhorar problemas digestivos; diminuir o colesterol; ajudar no combate de inflamações; ajudar a emagrecer (diminui o apetite); aliviar a retenção de líquidos; fortalecer o sistema imunológico.


Cáscara Sagrada: Normalmente utilizada para combater a prisão de ventre, mas também pode auxiliar no emagrecimento, já que possui propriedades que diminuem a absorção de gordura, além potencializarem a digestão da gordura, podendo também ser utilizada para controlar o colesterol. Possui propriedades laxativas, diuréticas, estimuladoras e tônicas.


Castanha da Índia: Ajuda a aliviar hemorróidas, problemas na pele (dermatites ou eczemas), assim como inflamações nas articulações (artrite ou artrose). Benefícios: combate a má circulação; ajuda na perda de peso; reduz o risco de aterosclerose; prevenção da diabetes tipo 2.


Cavalinha: Possui ação diurética, anti-inflamatória, antioxidante, antimicrobiana, cicatrizante e remineralizante. Usada para auxiliar o tratamento de pedra nos rins e infecções urinárias. Bom para: combater a retenção de líquidos; ajudar a emagrecer; diminuir a pressão arterial; manter a saúde dos ossos; melhorar o aspecto das unhas e da pele; eliminar fungos e bactéria.


Centella Asiática: Anti-inflamatório, antioxidante, aumenta a produção de colágeno, fortalece as veias, melhora a circulação. Bom para: acelerar a cicatrização de feridas e queimaduras; prevenir varizes e hemorróidas; reduzir a inflamação na pele; suavizar rugas e linhas de expressão; melhorar a circulação das pernas, evitando inchaços; diminuir a ansiedade; melhorar o sono e combater a insônia; acelerar a recuperação em casos de estiramento muscular ou tendinoso.


Chá Verde Importado: Antioxidante, antimutagênico, antidiabético, anti-inflamatório, antibacteriano e antiviral. Benefícios: previne vários tipos de câncer; favorece a perda de peso; retarda o envelhecimento celular; previne doenças do coração; previne infecções; melhora a saúde da boca; ajuda a regular os níveis de açúcar; ajuda no controle da pressão arterial; pode melhorar o desempenho durante o exercício. *Contraindicado para pacientes com gordura no fígado.


Cipó Mil Homens: Ação diurética, sedativa, antisséptica e estomáquico, que agem proporcionando diversos benefícios à saúde.


Dente de Leão: Auxiliar no tratamento de transtornos digestivos, problemas no fígado, pâncreas e afeções da pele. Por ter ação antioxidante, anti-inflamatória, hepato-protetora e ligeiramente analgésica, o dente-de-leão é muitas vezes indicado para ajudar no tratamento de: problemas digestivos; falta de apetite; transtornos biliares; doenças hepáticas; hemorróidas; gota; reumatismo; eczemas; diminuir o colesterol; alterações renais ou vesicais. Além disso, o dente-de-leão também parece aumentar a produção de insulina, podendo ajudar no tratamento da diabetes e pressão alta.


Erva Cidreira: Possui propriedades calmantes, sedativas, relaxantes, antiespasmódicas, analgésicas, anti-inflamatórias e antioxidantes, sendo muito utilizada para tratar especialmente problemas digestivos, de ansiedade e estresse. Propriedades: melhora a qualidade do sono; combate a ansiedade e o estresse; alivia as dores de cabeça; combate os gases intestinais; alivia os sintomas da TPM; combate problemas gastrointestinais; combate a herpes labial; elimina fungos e bactérias; tem ação antioxidante. *Seu uso deve ser cauteloso em pessoas com pressão arterial baixa.


Erva Doce: Bom para: gastrite; inchaço abdominal; má digestão; gases e dor de cabeça devido as propriedades analgésicas, anti-inflamatórias e antidispéptica; espasmos musculares; cólicas menstruais; inflamações na boca e garganta; tosse, gripe, resfriado, catarro, coriza.


Espinheira Santa: Muito usada em casos de gastrite, dores de estômago, úlcera gástrica e azia. Combate também a H. Pylori e aos refluxos gástricos. Além disso, a Espinheira-santa tem também propriedades diuréticas, laxativas, depurativas do sangue, anti-infecciosas.


Flor de Hibisco: utilizada para auxiliar nas dietas de emagrecimento. Bom para: ajudar a emagrecer porque é um ótimo diurético e também ajuda na queima de gordura; melhorar a prisão de ventre; combater as doenças do fígado e a sua desintoxicação; aliviar as cólicas menstruais; combater gripes e resfriados, por ter ação antioxidante que fortalece o sistema imune; regular os níveis de colesterol especialmente aumentar o colesterol "bom" HDL, mas também por ajudar a diminuir os níveis de LDL; regular a pressão arterial no sangue; retardar o envelhecimento da pele porque é rico em antioxidantes.


Funcho: ajuda a melhorar a digestão, combater o resfriado e a emagrecer. Benefícios: aliviar as cólicas menstruais e intestinais; diminuir o apetite; combater a dor de estômago; aliviar transtornos digestivos; soltar gases; combater a bronquite e a gripe por soltar o catarro; aliviar os vômitos; combater a dor de garganta e laringite; desintoxicar o fígado e o baço, combater infecções urinárias; combater a diarreia; eliminar vermes intestinais. *pode ser tomado na gravidez.


Graviola: Ajuda no tratamento da diabetes e da hipertensão, mas também pode ajudar a diminuir a insônia, pois possui propriedades sedativas e calmantes.


Guaco: Bom para tratar a gripe, tosse, rouquidão, infecção na garganta, bronquite, alergias e infecções na pele. Além disso, esta planta é usada popularmente para tratar o reumatismo.


Hortelã: possui ação analgésica, antiespasmódica e afrodisíaca. Bom para: má digestão, náusea ou vômito; colesterol alto; dor de cabeça; cólica menstrual; congestão nasal ou pulmonar. Além disso, esta planta medicinal ajuda também a eliminar vermes. *Não deve ser utilizado em casos de obstruções biliares, danos hepáticos severos e durante a lactação.


Ipê Roxo: serve para tratar inflamações, úlceras, infecções bacterianas e fúngicas.


Malva: Ajuda a combater prisão de ventre, soltar o catarro e combater a dor de garganta. Além disso, esta planta também é conhecida por ajudar a tratar a gastrite.


Maracujá: Bom para tratar ansiedade, depressão, hiperatividade, problemas de sono, nervosismo, agitação, mal de Parkison, dores menstruais, dor de cabeça, pressão alta ou inquietação.


Marcela: Possui propriedades antiviral, antiespasmódica, anti-séptica, anti-inflamatória, calmante, antialérgica, adstringente, relaxante, tônica, digestiva e expectorante. Bom para: tratamento de azia; cálculo biliar; dor de cabeça; cólicas intestinais; cãibras; contusões; diarreia; problemas gástricos e digestivos, dor de estômago, gastrite e úlcera; impotência sexual; acalmar o sistema nervoso; resfriado; retenção de líquidos; reumatismo; colesterol alto; cistite.


Moringa Olifera: Possui grande quantidade de vitaminas e minerais, como ferro, carotenoides, quercetina, vitamina C, entre outros, que proporcionam maior efeito antioxidante e anti-inflamatório. Bom para aumentar a capacidade respiratória; prevenir a diabetes; proteger o coração; regular a pressão arterial; ajudar na perda de peso; prevenir e combater a anemia; aumentar as defesas do organismo; ter efeito analgésico e anti-inflamatório; proteger e hidratar a pele; melhorar o sistema gastrointestinal; diminuir os sintomas da menopausa; melhorar a saúde da visão.


Mulungu: Usada para trazer tranquilidade, ajudando nos casos de insônia e de alterações do sistema nervoso, especialmente ansiedade, agitação e convulsões. Indicado para tratar: ansiedade; agitação e histeria; ataques de pânico; estresse pós-traumático; depressão; epilepsia; enxaqueca; pressão alta.


Oliveira: ajuda a acalmar desordens irritativas e inflamatórias, como indigestão, azia, gastrite, colite e úlcera péptica e pode também ser usado para lavagem gástrica em caso de envenenamento por agentes corrosivos, para suavizar a mucosa irritada e acelerar a eliminação. Ajuda a emagrecer; melhora a digestão; reduz a pressão arterial; melhora a gripe e resfriados; ajuda a tratar o câncer; melhora problemas de pele.


Pata de Vaca: Conhecida popularmente como remédio natural para diabetes, já que é capaz de diminuir os níveis de glicose no sangue. As suas propriedades incluem sua ação antioxidante, analgésica, diurética, laxante, purgativa, hipocolesterolemiante e vermífuga, por isso, pode ser indicada como forma de complementar o tratamento de: cálculos na bexiga ou nos rins; hipertensão arterial; hemofilia; anemia; obesidade; doenças do coração; doenças do sistema urinário.


Quebra Pedra: Popularmente conhecido por combater as pedras nos rins e proteger o fígado, já que possui propriedades diuréticas e hepatoprotetoras, além de também ser antioxidantes, antiviral, antibacteriana, antiespasmódica e hipoglicemiante. O chá possui potentes antioxidantes naturais, por isso, pode ser utilizada para: tratar e prevenir pedras nos rins; prevenir pedras na vesícula; ajuda a diminuir a retenção de líquido; aliviar os sintomas da azia; melhorar a prisão de ventre; combater infecção por vírus, como o da hepatite B, porque inibe a replicação do DNA do vírus; combater espasmos musculares e como relaxante muscular; ajudar a diminuir o açúcar no sangue, controlando a diabetes, o hiperinsulinismo e a resistência à insulina; proteger o fígado de intoxicações; ajuda a controlar a pressão arterial por facilitar a eliminação de sódio. Além disso, a quebra-pedra poderia também evitar o dano celular devido à sua ação antioxidantes, podendo também prevenir alguns tipos de câncer, como o de pulmão e o de mama, por exemplo.


Quina: Principais propriedades: auxilia no tratamento da malária; ajuda a desintoxicar o fígado; ação antisséptica e anti-inflamatória; combate a febre; reduz dores no corpo; auxiliar no tratamento de angina e taquicardia.


Sálvia Folha: Utilizada para tratar casos de transpiração intensa ou problemas gastrointestinais. Além destes, ajuda nos seguintes usos: inflamações na mucosa da boca e da faringe e em lesões da pele, devido às suas propriedades antimicrobianas, anti-inflamatórias e cicatrizantes; falta de apetite, devido às suas propriedades estimulantes do apetite.


Semente de Sucupira: Possui ação analgésica, anti-inflamatória, antirreumática, cicatrizante, antimicrobiana, antioxidante e antitumoral. Bom para: diminuir a inflamação nas articulações e, por isso, pode ser utilizada para tratar artrite, artrose, reumatismo e artrite reumatoide; aliviar as dores causada por problemas como excesso de ácido úrico e inflamações; combater a amigdalite, dor de garanta; ajudar a cicatrizar feridas na pele, eczemas, cravos nos pés e sangramentos. Em alguns casos, este chá pode ainda ajudar a aliviar a dor e desconforto constante provocado pela quimioterapia, usada no tratamento contra o câncer.


Sene Folhas: Propriedades laxativas, purgativas, depurativas e vermífugas e, por essa razão é muito utilizado para tratar problemas gastrointestinais, especialmente a prisão de ventre. No entanto, uma vez que deixa as fezes mais moles, também pode ser usado para aliviar o desconforto da defecação em pessoas com fissura anal e hemorroidas.


Tansagem: Bom para tratar gripes, resfriados e inflamações da garganta, útero e intestino. Também pode ser usado para aliviar infecções urinárias, perdas de urina durante o sono, problemas de fígado, azia, espasmos de estômago, diarreia e como diurético para reduzir a retenção de líquidos. As suas propriedades incluem ação antibacteriana, adstringente, desintoxicante, expectorante, analgésica, anti-inflamatória, cicatrizante, depurativa, descongestionante, digestiva, diurética, tônica, sedativa e laxativa.


Unha de Gato: Possui propriedades analgésicas, antioxidantes, depuradora, diuréticas, imunoestimuladoras, antimicrobianas e anti-inflamatória, podendo ser utilizada para o tratamento de: úlcera; infecção por fungos; bursite; gastrite; rinite; asma; inflamação nas articulações; artrite; amigdalite; reumatismo; alterações na pele; gonorreia.


Urtiga: A urtiga é rica em vitaminas A, B1, B5, C, K ácido fólico, ferro, cálcio, potássio e cobre, sendo, por isso, indicada para diversos tratamentos: auxilia o tratamento de reumatismo e artrite; estimula o apetite; diminui a oleosidade da pele, evitando o aparecimento de acne; ajuda no tratamento da fadiga intelectual e física; previne a queda de cabelo e combate a caspa; deixa as unhas mais fortes; auxilia no tratamento da inflamação das vias urinárias; promove a liberação de sódio e ureia na urina, devido à sua propriedade diurética. *Tomar com moderação.


Uva Ursi: Utilizada como anti-séptico e diurético, sendo eficaz no tratamento de infecções urinárias e dos órgãos genitais. Bom para tratar: pedras nos rins; infecções urinárias; garganta inflamada; inflamações da uretra. Além disso, a uva-ursi também pode ser indicada para o tratamento de diarreia e disenteria.


Valeriana: Ajuda a tratar ansiedade, especialmente nos casos mais leves ou moderados, já que esta é uma planta rica em propriedades sedativas e calmantes que ajudam a evitar o estresse. Também pode ser utilizado para facilitar o sono e aliviar a tensão física e mental. *Tomar com moderação.


Mais informações e Fonte: www.tuasaude.com/



Interações Medicamentosas


O consumo de chás é um hábito cultural frequente na população brasileira, especialmente como uma forma de transmissão de conhecimentos sobre cuidados em saúde entre as gerações.


O uso de chás proporciona muitos benefícios para a manutenção da saúde. Entretanto, sua utilização combinada com certos medicamentos pode causar interações medicamentosas, alterações nos efeitos dos remédios com consequências indesejadas para a terapia do paciente. Estes são alguns chás que podem provocar interação medicamentosa: Alcachofra (evitar com diuréticos), Boldo (evitar com anticoagulantes), Camomila (evitar com anticoagulantes e sedativos), Canela (evitar com hipoglicemiantes), Cáscara Sagrada, (evitar com antiarrítmicos e diuréticos), Carqueja (evitar com anti-hipertensivos), Chá Verde (evitar com hipoglicemiantes, álcool, Cimetidina, Adenosina, Dipiridamol e Efedrina), Erva-Cidreira (evitar junto com tratamentos com hormônios tireoidiano), Espinheira Santa (evitar com álcool, erva-cidreira e depressores do sistema nervoso central, pois potencializa seus efeitos sedativos), Guaco (evitar com antibióticos e anticoagulantes), Hortelã (deve ser evitado por pessoas anêmicas, interage com estatinas – como a Sinvastatina), Maracujá (evitar com anticoagulantes e anti-flamatórios), Quebra Pedra (evitar com diuréticos) e Unha de Gato (evitar com antiácidos ou imunossupressores - como a ciclosporina).



Fonte - https://www.informasus.ufscar.br/saiba-os-cuidados-necessarios-ao-tomar-chas-em-combinacao-com-medicamentos/



Por Christie Meditsch

7 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo